SENAI vai verificar a qualidade das cervejas

Divulgação

Análise permite quantificar teores de possíveis contaminações.

O Centro de Inovação e Tecnologia (CIT) SENAI FIEMG, por meio do Instituto SENAI de Tecnologia em Química, está apto a realizar a quantificação dos teores de possíveis contaminações em amostras de cervejas. As indústrias interessadas podem procurar o CIT SENAI FIEMG para enviarem as amostras das bebidas.

O pesquisador Líder do Instituto SENAI de Tecnologia Química, Luiz Cláudio de Melo Costa, explica que a FIEMG, por meio do SENAI e em apoio ao Sindicato das Indústrias de Bebidas em Geral de Minas Gerais (Sindbebidas), procurou desenvolver com agilidade e confiabilidade uma metodologia para análise de substâncias tóxicas. “Com a oferta desse novo serviço, a FIEMG e o SENAI contribuem para o desenvolvimento e fortalecimento da indústria cervejeira de Minas e de todo o Brasil”.

A determinação dos teores de substâncias tóxicas em amostras de cervejas é realizada por uma técnica analítica denominada Cromatografia Gasosa, amplamente utilizada para quantificação de substancias orgânicas. “Vale ressaltar que todo o procedimento segue diretrizes de qualidade, conforme norma ABNT ISO 17025: 2017, que estabelece critérios para atestar que laboratórios possuem competência técnica, e o CIT SENAI FIEMG possui cerca de 250 ensaios acreditados pelo INMETRO para a água, cachaça, cerveja, dentro outros”, contou o pesquisador do SENAI.

O vice-presidente do Sindbebidas e diretor da Associação Brasileira de Cervejas Artesanais (Abracerva), Marco Falcone, afirma que o serviço coloca o SENAI na vanguarda, uma vez que essa análise é inédita no Brasil. “É um grande salto e Minas Gerais sai pioneira na possibilidade de oferecer segurança para os consumidores de cerveja. Esse trabalho resulta da união de esforços do setor cervejeiro e da experiência e capacidade do SENAI na realização de pesquisas e análises”, reforça Falcone.

Com informações da FIEMG – Federação das Indústrias de Minas Gerais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *