Em menos de 48h: PCMG apura furto ocorrido em escola pública e recupera materiais em Divino

Divulgação PCMG

A Polícia Civil de Minas Gerais apurou o furto ocorrido na madrugada do último sábado (16), na Escola Estadual Dr. Pedro Paulo Neto, no município de Divino, em menos de 48h após o crime. Um jovem de 25 anos se encontra preso, suspeito de ter praticado o delito. Também foi efetuada a prisão em flagrante de outro homem, de 35 anos, pelo crime de receptação. Os produtos furtados foram recuperados, entre eles, dois notebooks e uma caixa de som.

Após ininterruptas diligências desde a data dos fatos – inclusive, em trabalho conjunto com a Polícia Militar – os policiais civis da 37ª Delegacia de Polícia Civil em Divino conseguiram identificar o indivíduo que teria arrombado a escola e levado os objetos. Ele é oriundo do estado do Rio de Janeiro e possui registros de prisões naquele estado por crimes como tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.

Na segunda-feira (18), em continuidade às investigações, foi localizado parte dos materiais furtados – um notebook e a caixa de som -, em uma casa abandonada perto da residência do investigado. Também já havia sido apurado que o outro notebook teria sido vendido ao indivíduo de 35 anos. Em razão disso, foi deflagrada ação que culminou na prisão em flagrante do homem pelo crime de receptação, cuja pena varia de um a quatro anos. Na casa dele, foi encontrado o notebook, produto de furto.

Ainda na segunda, também foi possível localizar o suspeito de ter praticado o crime. O homem foi interrogado e confessou ter cometido o delito. Na ocasião, por não estar em situação de flagrante, foi ouvido e liberado. No entanto, na terça-feira (19), a Autoridade Policial representou pela prisão preventiva dele junto ao Poder Judiciário e, após expedição de mandado de prisão, o investigado foi localizado novamente e encaminhado ao sistema prisional, onde se encontra à disposição da Justiça.

De acordo com o Titular da 37ª Delegacia de Polícia Civil de Divino, Delegado Rômulo Segantini, “com essa ação rápida e eficaz, a Polícia Civil conseguiu dar uma resposta imediata ao delito praticado. Demonstra, mais uma vez, o seu compromisso com todos os divinenses no sentido de garantir a ordem pública e a apuração qualitativa das infrações penais”.

O Delegado ressaltou ainda a importância do trabalho conjunto das Polícias Civil e Militar, Ministério Público e Poder Judiciário da comarca para o êxito da manobra policial que resultou na recuperação de todos os materiais furtados e na prisão dos autores.

Com informações da Assessoria de Comunicação – PCMG – NOTÍCIAS-4DPC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *